segunda-feira, 6 de julho de 2009


Silenciosamente lagrimas rolam
A sensação é um enorme vazio
Alguma coisa está faltando, é o amor Preciso de alguém, que me dê carinho
Alguém que me dê atenção
que sussurre no meu ouvido,
palavras de amor
Preciso do sorriso de alguém
que me ama
Eu preciso de alguém
para caminhar comigo pelos campos
sentar na grama olhar as colinas e
apreciar o azul do céu
Alguém para me dar xamego
dizer palavras de amor caminando pela praia olhando o pôr do sol.

2 comentários:

J.R disse...

Pois então!!

Como disse pra Bruna que comentou algo igual a vc...
O tempo não curará enquanto pensarmos da mesma forma. Se pensarmos assim...que TUDO que conhecemos um dia não existirá mais. TUDO. Aí daremos real valor às coisas, amar quando ter, quando não tiver mais, entender que tudo tem um fim, seja relacionamento amoroso, familiar, tudo acabará! É difícil né? Mas estou tentando pensar assim , penso que é a forma mais correta de entender a vida.

J.R disse...

Siimm!! Gosto dos princípios espíritas.


bjs!!!